Como diferenciar couro natural do couro sintético

Antigamente o couro sintético (que é uma espécie de polímero ou simplesmente plástico) tinha a aparência falsa, e distinguir do couro natural era muito fácil. Mas, hoje em dia, com tanta tecnologia têxtil e avanços na qualidade dos tecidos, o couro sintético tornou-se uma excelente alternativa ao couro natural, pois passou a ter uma aparência muito semelhante, e é mais barato, e muito mais ecológico, claro. E com isso, distinguir o couro natural do couro sintético tornou-se mais difícil. Para você não se confundir na hora da compra, ou para não ser enganada por um mau vendedor, veja algumas dicas bem interessantes e úteis na hora de diferenciar couro natural e couro sintético:

  • A primeira coisa é cheirar a peça de couro. Couro natural tem cheiro característico, tem cheiro de couro, cheiro de pele. É impossível não sentir o cheiro de pele natural. Experimente!
  • Se mesmo assim você estiver com dúvida, sinta bem o toque da peça, a aparência, o caimento. O couro natural é maleável e possui em sua maioria ranhuras naturais da pele.
  • Existem diversos tipos de couro, de diferentes peles, e de diferentes animais, na dúvida peça para o vendedor explicar bem qual couro é, e pesquise a respeito de como é esse couro para tirar todas as suas dúvidas.
  • Olhe a etiqueta interna da peça, e veja se há a definição “100% couro” ou “100% leather”. Os produtos chineses geralmente identificam com a verdade quando o couro não é verdadeiro. Claro que podem existir empresas de má índole, mas não custa verificar todos os fatores para ter certeza, não confiando apenas no papo de vendedores.
  • E por último, a alternativa mais drástica para as peças de cor preta: couro não queima nem pega fogo. Por isso, se o vendedor estiver falando a verdade, ele não se importará se você insistir em pegar um isqueiro e passar rapidamente pela peça (se ela for preta!). Se for couro verdadeiro, nada acontecerá com a peça. Se for couro sintético, só de chegar um pouco perto, a jaqueta ou bota de couro, por exemplo, pegará fogo e derreterá na hora!!! Afinal, plástico queima.

© Escrito e publicado por Mog em 05/07/2012. Você pode usar o texto deste artigo, desde que faça um link para o original em: http://www.mulherzice.com.br/como-diferenciar-couro-natural-do-couro-sintetico.html

Sobre a Mog

Este blog é feito para as mulheres modernas e que adoram novidades, e que buscam dicas para levantar sua autoestima e valorizar sua própria beleza natural. Encontre aqui muitas dicas de beleza, de moda, de saúde e de cuidados com a casa.

Tags: , , ,

5 respostas a Como diferenciar couro natural do couro sintético

  1. Ana Rita Lopes disse:

    Boa tarde,

    Comprei uma bolsa da marca Dona Sinhá, como sendo couro, mas hoje garantiram me q a bolsa nao é realmente couro! Estragaram o meu dia!!!!!
    A bolsa é marron . Eu posso passar na mesma o isqueiro, uma vez que ela nao é preta?

    • Mog disse:

      Olá Ana Rita! Se ela não é couro, NÃO passe o isqueiro. Na dúvida se é couro ou não, vá até um sapateiro e peça sua opinião. Beijocas

  2. Gabi disse:

    Oi!

    Sobre o fogo: verdade, mas já vi passarem fogo em um cinto de couro azul e ficou 100%…
    Quem fez isso? O próprio vendedor! E depois ele me deu o isqueiro pra eu fazer também haha…
    É um cinto argentino, artesanal (feito e vendido por povos nativos), não sei se isso afeta quanto a coloração, mas não estragou!

  3. Talita disse:

    Comprei uma jaqueta e disseram que era couro legítimo, colocaram fogo em uma jaqueta preta, só que hoje disseram que não é couro mesmo. Existe algum outro material que imita o couro e ao colocar fogo não queima?

    • Mog disse:

      Olá Talita! Não conheço esse material… Mas colocaram fogo na sua jaqueta? Recomendo levar num sapateiro, ele melhor do que ninguém irá te informar! beijocas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>